Eleições locais ontem no Brasil


As mais de 200 candidaturas LGBT e friendly às prefeituras e câmaras municipais, tiveram ontem o dia decisivo.

Dos 27 partidos políticos brasileiros, um total de 22 conta com uma candidatura a favor dos LGBT's. Tradicionalmente inclusivo, o PT (Partido dos Trabalhadores) é o que mais tem: aparece em primeiro lugar com 64 candidaturas, seguido do Partido do Sol, com 26 e dos 19 apresentados pelo Partido Comunista do Brasil.

Os 26 Estados brasileiros têm candidatos e candidatas LGBT ou aliados da causa, sendo São Paulo o que regista o maior número (32) enquanto a Bahia fica em segundo lugar, com 29. Há apenas uma candidata a Prefeita assumida, é a transexual Luciana Carrero, de Butiá, Rio Grande do Sul. Os candidatos a Prefeito, que assumiram publicamente serem simpatizantes LGBT somam 56 em todo o País.

Desses 200 candidatos, 73 são LGBT, sendo que 14 são lésbicas, 23 são travestis e 36 são assumidamente gays. Esse número corresponde a um crescimento de 1.700% em apenas sete eleições (1996 – 2008), o que pode significar uma maior politização da comunidade LGBT.

1 comentários:

Femme Fatale disse...

Após apurados os resultados das Eleições 2008 no Brasil, verificou-se que apenas quatro candidatos - dentre os 88 que defendem a causa LGBT - venceram em todo o país. Fica, portanto, aquele gostinho de que LGBT ainda não confia em seus semelhantes na política, o que é uma pena que muitos de nós pensemos assim.