Líder austriaco da extrema-direita era gay


Poucos dias depois da morte trágica de Jorg Haider, o polémico líder austríaco de extrema-direita, surgem pormenores sobre a vida privada. Uma entrevista do seu sucessor, Stefan Petzner, está a chocar os conservadores do país, pois declarou que tinha um «relacionamento especial» com o colega, relata o «The Guardian».

+info: http://diario.iol.pt/internacional/haider-petzner-austria/1005233-4073.html

1 comentários:

Philip disse...

Irónico...!